Apresentação


       

       
 A caravela é a mais famosa de todas as embarcações portuguesas. Foi utilizada pelos navegadores portugueses desde o final do século XV até meados do século XVII. Caracteriza-se por ser um navio robusto e veloz, com velas latinas em dois ou três mastros. As caravelas tinham entre 20 a 30 metros de comprimento e 50 a 80 toneladas de porte.
         O modelo de caravela a construir pretende recriar a caravela  Bérrio, que fez parte da armada de Vasco da Gama na viagem inaugural à Índia. Zarpou de Lisboa a 8 de Julho de 1497 e regressou a 10 de Julho de 1499 com a notícia da descoberta do Caminho Marítimo para a Índia.
O projecto tem por base o modelo de caravela latina com três mastros em exposição no Museu de Marinha, em Lisboa, mas incorpora os resultados das investigações mais recentes e constitui uma oportunidade para proceder a uma revisão científica sobre a matéria.
Construção em madeira de bétula sobre uma estrutura de contraplacado marítimo.
Casco e convés com duas camadas de madeira de bétula, mastros e vergas em madeira, aparelho fixo e de laborar em linho e velas em tela. Batel em madeira, artilharia em metal. O modelo não será pintado, mas envernizado para realçar o trabalho realizado e pôr em evidências as técnicas de colocação dos forros de costado e cobertas.

Dimensões do modelo (aprox.)
Escala: 1/30
Comprimento total: 1,10 metros
Altura total com aparelho: 0.90 metros
Boca: 0,30 metros